Drink de nacionalidade cubana ganhou o mundo


Green-Apple-Banana-Daiquiri

No cinema, de vez em quando, o escolhem para integrar uma cena. Lauren Bacall pede um em Uma aventura na Martinica. Shirley Maclaine toma o seu em Se meu apartamento falasse. Spencer Tracy e Katherine Hepburn o degustam em A costela de Adão. Alec Guiness investe nele em Nosso homem em Havana. O daiquiri, criado por Jennings Cox no começo do século passado, num bar chamado Vênus localizado em Santiago, continua presente no rol dos principais itens da coquetelaria internacional. Daiquiri é palavra do créole, dialeto que misturou a língua nativa dos habitantes das Bahamas e Antilhas com a dos colonizadores europeus. Originalmente reunia ao rum, seu ingrediente básico, uma colher de açúcar, suco de limão e muito gelo, tudo misturado com colher. Depois, com o advento da coqueteleira, o gelo passou a ser raspado e tudo agitado vigorosamente. Preparado desta forma era o preferido do escritor Ernest Hemingway, que morou em Cuba durante algum tempo. Por ser diabético, ele pedia que substituíssem o açúcar por grapefruit. Reza a lenda que chegou a tomar 26 daiquiris numa única noite. Há versões que agregam a esta composição básica morangos, cerejas e até pedacinho de banana. O presidente Kennedy o preferia em sua forma clássica, que é a que se segue.

Meça os ingredientes. São 2 doses de rum branco, 1 dose de suco de limão, 1 colher (sobremesa) de açúcar, um copo médio de gelo picado. Coloque tudo na coqueteleira, agite bravamente, distribua em taça de boca larga e enfeite a borda com uma rodela de limão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s